segunda-feira, 1 de setembro de 2014

ESPECIAL / IVALDO MAIS

DE HOJE ATÉ A PRÓXIMA SEXTA-FEIRA , O BLOG IVALDO MAIS, FAZ UMA HOMENAGEM AO RÁDIO PERNAMBUCANO, FALANDO E TRATANDO DE ASSUNTOS DAS PRINCIPAIS EMISSORAS DO ESTADO, E OS BASTIDORES E MUITO MAIS..
HOJE VAMOS TARTAR DA MAIS MODERNA EMISSORA... QUE POR SINAL É UMA DAS MAIS OUIVIDAS E HOJE 01 DE SETEMBRO FOI E É UMA DATA IMPORTANTE PARA ELA...             


 
Em 1988, foi fundada a Rádio JC FM, na época com um perfil musical. Em 1 de julho de 2004, a rádio se afiliou a Central Brasileira de Notícias (CBN), chegando a alterar o seu nome para Rádio JC CBN, e passando a ter um perfil jornalístico. No dia 31 de agosto de 2013, a JC CBN encerra a sua afiliação com a CBN, e passa a operar de maneira independente, e passando a se chamar JC News FM.1 2 A CBN passa então a operar na frequência 97.1 MHz, onde era extinta a Rádio Globo FM, que passava agora a se chamar CBN Recife.

O Começo

Exatamente à 00h00 de domingo do dia 1º de setembro de 2013, entrou no ar a Rádio JC News FM, através da locução do radialista Marcelo Araújo, que comandou a programação da emissora na madrugada. A primeira matéria apresentada pela emissora foi sobre uma rebelião entre internos da Funase no município de Abreu e Lima, feita pela repórter Simone Santos.3 Já pela manhã, e seguindo pela tarde, Joffre Mello, Graça Araújo, Aldo Vilela, Maciel Júnior, entre outros, comandaram as atrações e debates da rádio. Ás 17h, a JC News transmitiu sua primeira jornada esportiva em rede com a Rádio Jornal, comandada pelo "Escrete de Ouro" (Alfredo Martinelli, Aroldo Costa, Ralph de Carvalho, entre outros). A emissora transmitiu a partida entre Santa Cruz e Cuiabá, válida pelo Campeonato Brasileiro da Série C, na qual o time pernambucano venceu por 3 a 1.4

Comunicadores

Jornalismo

  • Marcelo Araújo
  • Joffre Melo
  • Graça Araújo
  • Everson Teixeira
  • Antônio Martins
  • Éden Pereira
  • Carlos Miguel
  • Maciel Júnior

Repórteres

  • Rafael Carneiro
  • Karoline Fernandes
  • Clarissa Siqueira
  • Simone Santos

Esportes (Escrete de Ouro)

  • Aroldo Costa
  • Alfredo Martinelli
  • André Luiz Cabral
  • José Silvério
  • Leonardo Bóris
  • Ralph de Carvalho
  • Roberto Queiroz
  • Wellington Araújo
  • Natan Oliveira
  • Adilson Oliveira
  • Marcelo Cavalcan 
  •  

HOJE TEM ESTRÉIA NA RÁDIO DOM BOSCO FM !

LOGO MAIS ÁS 22:HS DA NOITE, LIGUE O RÁDIO NA 98.5 FM E SINTONIZE O PROGRAMA QUE É DEDICADO AOS APAIXONADOS...
             
SOB O COMANDO DO COMUNICADOR, FLÁVIO MARCONE, O OUVINTE VAI TER MUITA DESCONTRAÇÃO, SUCESSOS QUE MARCAM OS CORAÇÕES APAIXONADOS, A PARTICIPAÇÃO DO OUVINTE E MUITO MAIS,,
 
O OUVINTE PODE PEDIR SUCESSOS, FAZER DECLARAÇÕES OU ATÉ MESMO DIVULGAR NÚMEROS PARA CONTATO PARA AMIZADES OU POAQUERA,,
NO ( 81) 3541.8690 
FREQUÈNCIA DO AMOR, O SEU PROGRAMA NAS NOITES DE SEGUNDA A SEXTA FEIRA APÁRTIR DAS 22:HS 
NA RÁDIO DOM BOSCO FM 98.5 MHZ
WWW.RADIODOMBOSCO.NET.BR
O SEU CORAÇÃO VAI AGRADECER !
SUCESSO FLÁVIO E ESTAMOS AS ORDENS,,,
 

DIA 22/09 TEM NOVIDADES NA TELEVISÃO PERNAMBUCANA !



                Luciano Faccioli é o mais novo contratado da TV Jornal. O radialista e jornalista chega à emissora trazendo novidades para a grade de programação. Com fatos policiais, muita prestação de serviço e a opinião forte, que lhe é característico, Faccioli vai trazer, diariamente, o melhor conteúdo local aos telespectadores. O programa do apresentador Luciano Faccioli estreia dia 22 de setembro e vai ao ar logo depois do TV Jornal Meio-Dia.

Em 28 anos de carreira dedicados à comunicação, ele mostrou que o seu estilo de apresentação vai além de relatar notícias e fatos importantes. A opinião do jornalista, conhecida nacionalmente, agora vai ficar mais próxima do telespectador da TV Jornal. Nos estúdios do Sistema Jornal do Commercio de Comunicação, Faccioli comentou sobre o novo programa: “Nós vamos mostrar o que estiver errado e vamos cobrar a quem for de direito para corrigir tal situação. A orientação, a prestação de serviço, a cobrança junto com fatos policiais e a nossa opinião serão, diariamente, prioridade dentro do programa", finalizou.                   


                                        

A SEMANA PROMETE, NAS PESQUISAS..

A pouco mais de um mês das eleições, as pesquisas de intenção de voto começam a se multiplicar no país. No site do Tribunal Superior Eleitoral (TSE), três novos levantamentos estão encomendados e podem ser divulgados no fim de semana.
O Instituto Datafolha registrou a pesquisa no último dia 29 de agosto. O campo de análise será entre esta segunda-feira (1) e a quarta-feira (3).
O Ibope também está com material registrado no dia 29. Já o Instituto Sensus registrou o levantamento nesta segunda-feira e os questionários serão feitos entre os dias  1 e 5 de setembro.
                                      

CONFIANÇA EM MARINA E PAULO CAMÂRA NO PRIMEIRO TURNO !

O vice Raul Henry acredita na vitória no primeiro turno. Foto: JC Imagem
O vice candidato da Frente Popular ao governo do Estado, Raul Henry (PMDB), afirmou de maneira bastante otimista, nesta segunda-feira (1), em debate na Rádio CBN, que a tendência da eleição já está definida e aponta a vitória de Paulo Câmara, no primeiro turno.
Embora ainda falte pouco mais de um mês para eleição, o político disse que não estava “subindo no salto”, mas acredita que a candidata Marina Silva (PSB/Rede) levaria a eleição presidencial no primeiro turno.”E a gente [a Frente Popular] ganha aqui também”, disse o vice. Raul Henry e Paulo Rubem, vice da coligação Pernambuco Vai Mais Longe, participaram do debate.
“Marina representa hoje a pessoa que pode revitalizar as instituições democráticas no Brasil. Marina representa sopro de esperança, com a presença de um governo que que será um dos melhores”, defendeu Henry.
Questionado sobre o excesso de confiança quanto à vitória no primeiro turno, Raul Henry negou estar cantando vitória antes do tempo e relembrou as palavras ditas por Marina Silva, que diz ser preciso “pisar com chinelo de algodão”.
“Paulo Câmara já virou. O campo da pesquisa do JC/IPMN é do início da semana. Isso é a nossa convicção, mas quem decide a eleição é o eleitor, no dia 5 e outubro. Estamos falando com convicção. Se tem uma coisa que não tem na nossa campanha é salto alto. Na nossa campanha não tem arrogância, todo mundo pisa no chão. Temos que pisar em chinelo de algodão”, afirmou Raul Henry.

A PROMESSA É DE ÔNIBUS NAS RUAS..

Em coletiva realizada na sede do Sindicato dos Rodoviários, em Santo Amaro, área central do Recife, na manhã desta segunda-feira (1º), o presidente eleito do sindicato Benilson Custódio garantiu que não haverá novas paralisações até o julgamento do dissídio coletivo, marcado para o próximo dia 8.
Ainda de acordo com Benilson, a categoria aguardará a decisão tomada no dissídio para informar a data de novas assembleias. Custódio afirmou que uma nova reunião de conciliação entre patrões e rodoviários está marcada para esta terça-feira (2), ao meio-dia, na sala de sessões do Tribunal Superior do Trabalho (TST). Ainda não há informações sobre o que será discutido na reunião, porém, de acordo com Custódio, no último despacho divulgado pelo TST foi declarado que as paralisações realizadas pela categoria não são ilegais.
       

Sobre a dissidência que há dentro da categoria, Benilson afirma que o sindicato não pode arcar com as consequências dos movimentos realizado por terceiros que incentivam movimentos diversos.
Está previsto que no próximo dia 5 os rodoviários recebam o salário com o pagamento dos 10% retroativo ao mês de julho - sem aumento de 75% no tíquete-alimentação (que passaria de R$ 171,20 para R$ 300). Na próxima segunda-feira (8), o TST irá julgar se mantém os 10% e o valor do tíquete alimentação.
DECISÃO - No último dia 21, o TST havia suspendido provisoriamente o reajuste salarial de 10% concedido aos motoristas, cobradores e fiscais de ônibus na Região Metropolitana do Recife no dia 30 de julho. A medida causou protestos e paralisações de ônibus na Região Metropolitana do Recife. Cinco dias depois, o ministro Barros Levenhagem reconsiderou a decisão e manteve o reajuste salarial concedido em decisão do Tribunal Regional do Trabalho de Pernambuco (TRT-PE).
Assim, ficam mantidos os pisos de R$ 1.765,50 para motoristas, R$ 1.141,69 para fiscais despachantes e R$ 812,13 para os cobradores. A decisão também inclui o tíquete-alimentação, diárias, auxílio-funeral e indenização por morte ou invalidez, restringindo o reajuste a 6% até pronunciamento definitivo da Seção Especializada em Dissídios Coletivos (SDC) do TST.

PARALISAÇÃO -  Na última segunda-feira (25), os rodoviários cruzaram os braços também no período das 4h às 8h. Nesse horário, nenhum ônibus saiu das garagens das empresas e as paradas ficaram lotadas. Os terminais integrados só abriram após o fim da paralisação e os usuários tiveram dificuldade para chegar aos seus destinos. Na sexta-feira (22), uma paralisação surpresa provocou protestos e um coletivo incendiado. De acordo com o sindicato dos rodoviários, a categoria vai continuar mobilizada até que o julgamento do mérito do dissídio coletivo dos trabalhadores, previsto para o dia 8 de setembro no Tribunal Superior do Trabalho (TST), em Brasília.
Na última terça-feira (26), o ministro do TST Barros Levenhagem reconsiderou a decisão que suspendeu o reajuste de 10% para motoristas e cobradores, mas manteve o efeito suspensivo quanto às demais cláusulas do despacho anterior, relativo a tíquete-alimentação, diárias, auxílio-funeral e indenização por morte ou invalidez, restringindo o reajuste a 6% até pronunciamento definitivo do TST.
Assim, o aumento de 75% no tíquete-refeição (de R$ 171 para R$ 300 no mês) concedido pelo Tribunal Regional da 6ª Região (TRT-PE) em 30 de julho continua sem valer. Com a reconsideração, ficam mantidos os pisos de R$ 1.765,50 para motoristas, R$ 1.141,69 para fiscais despachantes e R$ 812,13 para os cobradores.

AMANHÃ AGENTE MOSTRA TUDO], COMO FOI !

Carlos Nascimento é o mediador do debate
Carlos Nascimento é o mediador do debate
O SBT promoverá um debate entre os principais candidatos a Presidente da República no fim da tarde desta segunda-feira (1º). O evento, que será realizado ao vivo, contará com Dilma Rousseff (PT), Marina Silva (PSB), Aécio Neves (PSDB), Eduardo Jorge (PV), Pastor Everaldo (PSC), Levy Fidelix (PRTB) e Luciana Genro (PSOL).
Mediado pelo jornalista Carlos Nascimento, o debate terá uma hora e quarenta minutos, dividido em quatro blocos com três intervalos comerciais. O programa transmitido simultaneamente pelo site da Folha de S.Paulo, portal UOL e rádio Jovem Pan, com perguntas de jornalistas desses três veículos de comunicação e do próprio SBT.
Os candidatos farão perguntas entre si no primeiro bloco. No segundo, quatro jornalistas das empresas que promovem o debate farão as perguntas a um candidato, que terá a resposta comentada por outro, com direito a tréplica. No terceiro bloco, haverá novamente as perguntas livres e no quarto,as considerações finais.
A ordem das perguntas, considerações finais e posição dos candidatos no estúdio foram definidos previamente em um sorteio, juntamente com os representantes de cada partido em reunião.
o debate vai ao as 17:45 hs

sábado, 30 de agosto de 2014

IVALDO MAIS, MOSTRA O RESULTADO DA PESQUISA DO IBOPE QUE COLOCA MARINA SILVA EMPATADA COM DILMA !

Pesquisa Datafolha sobre a corrida presidencial, divulgada nesta sexta-feira (29), indica uma situação de empate entre a presidente Dilma Rousseff (PT), candidata à reeleição, e a ex-senadora Marina Silva, candidata do PSB. Cada uma aparece com 34% das intenções de voto. A seguir, vem o senador Aécio Neves (PSDB), com 15%. Na pesquisa anterior do Datafolha, divulgada no último dia 18, Dilma tinha 36%, Marina, 21% e Aécio, 20%.
Na simulação de segundo turno entre Dilma e Marina, a ex-senadora alcançou 50% contra 40% da presidente. Na pesquisa anterior, Marina tinha 47% e Dilma, 43%.
No levantamento desta sexta, Pastor Everaldo (PSC) obteve 2%. Os outros sete candidatos somados têm 1%. Segundo o levantamento, os que disseram votar branco ou nulo são 7%, mesmo percentual dos que não sabem em quem votar.
Veja os números do Datafolha para a pesquisa estimulada (em que uma cartela com a relação dos candidatos é apresentada ao entrevistado):
- Dilma Rousseff (PT): 34%
- Marina Silva (PSB): 34%
- Aécio Neves (PSDB): 15%
- Pastor Everaldo (PSC): 2%
- José Maria (PSTU): 0% *
- Eduardo Jorge (PV): 0% *
- Luciana Genro (PSOL): 0% *
- Rui Costa Pimenta (PCO): 0% *
- Eymael (PSDC): 0% *
- Levy Fidelix (PRTB): 0% *
- Mauro Iasi (PCB): 0% *
- Brancos/nulos/nenhum: 8%
- Não sabe: 9%
(*) Os candidatos indicados com 0% são os que não atingiram 1% das intenções de voto; somados, os sete têm 1%.
A pesquisa foi encomendada pela TV Globo e pelo jornal "Folha de S.Paulo". O Datafolha fez 2.874 entrevistas em 178 municípios nestas quinta (28) e sexta (29). A margem de erro é de dois pontos percentuais para mais ou para menos. O nível de confiança é de 95%. Isso significa que, se forem realizados 100 levantamentos, em 95 deles os resultados estariam dentro da margem de erro de dois pontos prevista.
A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o número BR-00438/2014.


Espontânea
Na modalidade espontânea da pesquisa (em que o pesquisador somente pergunta ao entrevistado em quem ele pretende votar, sem apresentar a lista de candidatos), os resultados são os seguintes:
- Dilma Rousseff: 27%
- Marina Silva: 22%
- Aécio Neves: 10%
- Outras respostas: 3%
- Em branco/nulo/nenhum: 3%
- Não sabe: 32%
Segundo turno
Nas simulações de segundo turno, o Datafolha avaliou os seguintes cenários:
- Marina Silva: 50%
- Dilma Rousseff: 40%
- Brancos/nulos/nenhum: 7%
- Não sabe: 3%
- Dilma Roussef: 48%
- Aécio Neves: 40%
- Brancos/nulos/nenhum: 9%
- Não sabe: 4%
O Datafolha não realizou simulação de segundo turno entre Marina e Aécio.


Rejeição
A presidente Dilma tem a maior taxa de rejeição (percentual dos que disseram que não votam em um candidato de jeito nenhum). Nesse item da pesquisa, os entrevistados puderam escolher mais de um nome.
- Dilma Roussef: 35%
- Pastor Everaldo: 23%
- Aécio Neves: 22%
- Zé Maria: 18%
- Eymael: 17%
- Levy Fidelix: 17%
- Rui Costa Pimenta: 16%
- Luciana Genro: 15%
- Marina Silva: 15%
- Eduardo Jorge: 14%
- Mauro Iasi: 14%
E NESSA SEGUNDA-FEIRA DIA 01/09, NOS VAMOS REPERCURTIRESSA PESQUISA NO LINHA DIRETA COM A COMUNIDADE AO VIVO, COM EDSON PEIXOTO, IVALDO MAIS, MOACYR SOLIANO E GILSON AQUINO,  E A ESTUDANTEDEDIREITO WALQUIRIA RODRIGUES, VAMOS ENTENDER E DESTRINCHAR AS ANÁLISES DA PESQUIS A E O QUE ELA REPRESENTA A NIVEL REGIONAL E NACIONAL.
FIQUEM LIGADOS NO LINHHA DIRETA COM A COMUNIDADE É NESSA SEGUNDA FEIRA ÁS 20:HS NA 104.5 FM.
TODOS LIGADOS !

JUSTIÇA GARANTE ÔNIBUS, CASO TENHA NOVAS PARALISAÇÕES !


Volta dos ônibus foi marcada por tumulto no Joana Bezerra (Foto: Katherine Coutinho / G1)
Em decisão liminar concedida na noite desta sexta (29), o desembargador  Pedro Paulo Pereira Nóbrega, vice-presidente do Tribunal Regional do Trabalho (TRT-PE), determinou que, caso haja novas paralisações dos rodoviários do Grande Recife, 80% da frota de ônibus deve ser mantida nas ruas.
A decisão é em resposta ao pedido de decretação de abusividade do movimento feito pelo Sindicato das Empresas de Transporte de Passageiro do Estado de Pernambuco, a Urbana-PE, na tarde desta sexta. O Sindicato dos Rodoviários afirmou que não há nenhuma nova paralisação prevista da categoria.

 Na decisão, o desembargador não considerou os atos realizados durante a última semana abusivos. Caso haja descumprimento da norma, o Sindicato dos Rodoviários terá que pagar multa de R$ 50 mil por dia. Uma audiência de conciliação, mediada pelo TRT, foi marcada para a próxima terça (2), às 12h.  O horário de pico é o considerado entre 5h30 e 9h e 17h e 20h.
Na decisão do desembargador, ele concorda com itens propostos pela Urbana-PE na petição inicial. Entre eles, o uso da força policial caso haja descumprimento da decisão com atitudes como fechamento de ruas e garagens.

Em sua petição inicial, as empresas chegam a afirmar que o movimento dos trabalhadores contou com "a constituição de piquetes violentos que impediram o acesso daqueles que queriam trabalhar, com o bloqueio ilegal de vias públicas, com desordem, com depredação de bens, com tumulto e com prejuízo para todo".
A assessoria de comunicação do Sindicato dos Rodoviários disse que a decisão não afeta o movimento neste momento, já que não há nenhuma paralisação prevista até o julgamento do TST, em 8 de setembro. Paralelo a isso, haverá uma audiência de instrução no TRT, quando poderá ser marcado mais um julgamento do dissídio coletivo dos rodoviários.
Manhã sem ônibus
Após uma paralisação de mais de quatro horas, os ônibus voltaram a circular pela Região Metropolitana do Recife por volta das 8h30 desta sexta-feira (29). O movimento foi um ato para pressionar o TST a julgar o dissídio dos rodoviários e manter a decisão tomada pelo TRT, que garantia 10% de aumento salarial, além de um reajuste de 75% do tíquete de alimentação. O sistema atende, diariamente, cerca de 2 milhões de passageiros.

Nas primeiras horas do dia, terminais integrados como Aeroporto e Macaxeira ficaram praticamente vazios. Os ônibus começaram a buscar os passageiros por volta das 9h. Diante da demanda, os coletivos superlotados pelas ruas do Grande Recife.
Entenda a disputa judicial
Os motoristas, cobradores e fiscais do Grande Recife entraram em greve no dia 28 de julho, após não conseguirem acordo com o sindicato patronal, a Urbana-PE. Após três dias de paralisação, no dia 30 de julho, o julgamento do dissídio coletivo realizado no TRT-PE determinou um reajuste de 10% no salário e de 75% no tíquete alimentação da categoria.
No dia 21 de agosto, veio a público a decisão do presidente do TST, ministro Barros Levenhagen, que suspendeu, temporariamente, o aumento determinado para os rodoviários. Em decisão monocrática, o ministro considerou o pedido da Urbana-PE e determinou o aumento de 6%, tanto no salário quanto no tíquete, até que o recurso seja julgado na sessão de dissídios do TST
Diante do novo quadro, a categoria cruzou os braços na sexta-feira (22), em paralisação que afetou grande parte do serviço de ônibus na Região Metropolitana. Na segunda-feira (26), em novo protesto, os ônibus não circularam entre 4h e 9h.

Em nova decisão liminar publicada na terça-feira (26),  o presidente do TST voltou atrás e acatou a decisão do TRT, em relação aos 10% de reajuste salarial aos motoristas, fiscais e cobradores de ônibus do Grande Recife. O ministro reconsiderou parcialmente o efeito suspensivo concedido ao recurso da Urbana-PE. O aumento dos tíquetes alimentação ficou em 6%.

PREFEITURA MUNICIPAL DO RECIFE, SAI NA FRENTE E ATENDE AOS ESTUDANTES COM O PASSE LIVRE!


O horário de funcionamento do posto do VEM é das 8h30 às 17h30 / Foto: Edmar Melo/JC Imagem

Apesar do início do cadastramento, para evitar transtornos, os estudantes devem comparecer no dia informado pela escola em que estudam, de acordo com o calendário feito pela Secretaria de Educação do Recife. O horário de funcionamento do posto do VEM é das 8h30 às 17h30, de segunda a sexta-feira.Quem se cadastrar até o dia 20 já sai do posto de atendimento com o cartão, mas só poderá utilizar as 70 passagens mensais no sistema de transporte público coletivo a partir do dia 1º de outubro. Quem preferir também pode tirar o documento em agências dos Correios, Banco do Brasil e Caixa Econômica Federal, onde é cobrada uma taxa de R$ 5,70.A instrução normativa que regulamenta o Passe Livre Recife, com todos os detalhes sobre o funcionamento, será publicada no Diário Oficial no Município da próxima semana. O benefício foi instituído pela Lei nº 18.043/2014, de autoria do executivo municipal, e sancionada pelo prefeito Geraldo Julio no último dia 23 de julho.DOCUMENTOS - De acordo com o Grande Recife Consórcio de Transportes, os alunos precisam apresnetar CPF, certidão de nascimento ou documento de identificação com foto (carteira de identidade ou carteira de estudante) e comprovante de residência (este último pode ser em nome do pai ou responsável). ATENDIMENTO - Os primeiros a fazerem o cadastro do VEM Passe Livre Estudantil são 814 estudantes de seis escolas da Regional 4 (Zona Oeste do Recife). O Posto de Atendimento contará com três atendentes exclusivos para os estudantes da Rede Municipal. Além disso, o local estará aberto nos sábados 6, 13 e 20 de setembro somente para cadastro do Passe Livre Recife. Quem perder o dia de cadastramento só poderá fazer o VEM Passe Livre após o dia 20, sem o atendimento exclusivo, e só terá direito ao benefício em novembro.REGRAS - O Passe Livre Recife é de uso pessoal e intransferível, sendo proibida a cessão, venda ou qualquer forma de utilização do benefício por terceiros. Se for verificado o uso indevido do cartão, o beneficiário será notificado pela Secretaria de Educação para apresentar defesa no prazo de dez dias. Se a defesa não for apresentada ou for rejeitada, o estudante terá o benefício suspenso por 30 dias. Em caso de reincidência, o direito ao Passe Livre será suspenso por todo o semestre.Os estudantes das 36 escolas de 6° ao 9° ano da PCR terão direito a 70 viagens mensais no valor de meia passagem da tarifa do Anel A (R$ 1,07). O sistema limitará o uso a 70 vezes por mês, não podendo ser utilizado mais de quatro vezes por dia. Os créditos entram automaticamente no cartão, no início de cada mês, e expiram em 180 dias, como ocorre com todo VEM. Os alunos poderão usufruir do Passe Livre Recife em todos os dias da semana, inclusive sábados, domingos, feriados e até mesmo durante as férias escolares.Se ao final do mês o beneficiário só tiver usado 40 passagens, por exemplo, a Prefeitura só depositará o crédito referente às 30 viagens restantes, para que o estudante tenha direito a usar 70 passagens no mês seguinte. Periodicamente, o Grande Recife Consórcio de Transporte enviará relatórios para a Secretaria de Educação do Recife com essas informações